Páginas

sábado, 29 de março de 2008

Tem coisas e pessoas que não mudam...


Quem andou lendo meu blog ultimamente deve pensar, nossa, ela anda meio irritada, estressada.O que será que houve...Calma gente, eu não ando estressada, irritada. È só minha forma realista de escrever.Aceitem isso,por favor!

Tenho notado como as pessoas se contradizem, inclusive eu, em algumas coisas. Como outras, passa o tempo que quiser e puder passar, não mudam, continuam as mesmas, melhores ou piores. Freud dizia que "nós precisamos começar a amar para não adoecer", talvez seja esse o maior problema da humanidade. Assim como eu, assim como você, assim como outros, o que queremos realmente é amar e sermos amados. Talvez eu esteja adoecendo, talvez me falte isso, algo tão simples e tão difícil...Mas acontece!

Tenho que rir da peças que o destino me prega,inclusive em sonhos ultimamente,das emboscadas que ele me coloca, das situações cômicas e às vezes dramáticas que tenho que enfrentar.Mas não dá pra olhar para trás, porque podemos tropeçar e cair. Graças a Deus que o tempo passa, as pessoas não mudam mas amadurecem suas idéias pré-estabelecidas e o que hoje pode ser trágico vira poeira no futuro. Quem hoje te bate na cara, pode te dar a face daqui um tempo.Isso tudo é só comentário,não tava pensando em ninguém em especifíco, mas que a vida é engraçada e misteriosa é. O que te irrita hoje amanhã pode passar despercebido.Interessante, não!

quinta-feira, 27 de março de 2008

Receita para conhecer as pessoas a sua volta...


Para conhecer as pessoas à sua volta dê-lhe apenas três coisas: dinheiro, poder ou palco.

Nestes lugares elas mostram seu verdadeiro caráter, como são, como agem, como se mostram...

Imaginem um círculo vicioso que se fecha: e você dentro dele!Cada pessoa que está vindo em sua direção é uma decisão que você precisa tomar. Ficar e deixar-se sufocar,ou agir rápido em busca da solução...

Para piorar essas pessoas do círculo são pessoas amigas suas, pessoas que já choraram no seu ombro, já bateram na sua porta, já trabalharam com você, já traíram você, já magoaram você...e agora elas estão ali, querendo te sufocar...

Não dá para escolher todos, só alguns...

Não dá pra fugir, terá que enfrentar!

Hoje, 27 de março dia internacional do teatro eu me sinto assim!

Olha que hoje apresentei Branca de Neve às 10h na praça e foi bem divertido, depois meus alunos se apresentaram às 14h, aí corri pra Gramado, dei aula , ensaiei com Maciel, dei aula de novo.Respirei teatro, fiz minha parte mas me sinto a kilômetros dele,como ano passado.Parece que as minhas ânsias não estão mais sendo satisfeitas, ele não circula nas minhas veias como antes, ao redor tudo soa falsidade, dramatização e incoerência! Todo mundo fala de todo mundo e depois se "lambem" como cachorros no cio...eu quero sair disso.Ouvi hoje "Bem vindo ao mundo profissional"!Não! Eu não quero isso pra mim...O que me deixa feliz por enquanto:dar aulas de teatro para crianças, adolescentes e adultos...atuar.

O resto,não me tirem do sério, não me façam de idiota,não façam trabalhos comigo se não podem terminar, não me procurem apenas para me "sugar" e depois pisar...Odeio gente assim.Odeio teatro assim.Odeio fazer coisas pelos outros e não por mim.Mais uma vez estou fazendo.Acho que estou morrendo lentamente...a cada segundo, numa rotina.Deus,me mande alguém pra distrair meus hormônios, me embalar num sono profundo, me acariciar sem exigir nada...Ah,eu mereço! Eu posso! Agora devo.Vou acabar enlouquecendo como os pintores expressionistas, como os autores mórbidos, como Werter,como Camille Claudel (ela enlouqueceu por amor ao seu professor e amante). Estou rodeada de pessoas que amo pouco e detesto quase sempre...O que eu preciso aprender...

Para conhecer as pessoas à sua volta dê dinheiro, poder ou palco.

Sigam meu conselho!Aviso sério.

terça-feira, 25 de março de 2008

Ah...as minhas turmas...e que turmas!




Minhas turmas, tanto a de Canela como a de Gramado, estão me surpreendendo cada vez mais.Super antenados, engraçados, unidos e sobretudo muito a fim de fazer... Pessoas das mais diferentes religiões, cores, gostos e amores, ah, idade também... Já estou pensando em apresentações, tipo Werther, Shakespeare, Lorca...coisas fortes pra pessoas fortes em cena.Que sabem o que querem...fora que ambas as turmas tem músicos,achei isso ótimo...aproveitável lógico!

domingo, 23 de março de 2008

Começamos os ensaios do Menino do Dedo Verde





Finalmente começamos os ensaios da nossa nova peça infantil "O Menino do Dedo Verde"já havia falado dela aqui.Compomos duas músicas (sim, porque os atores irão cantar), estamos projetando cenários, figurinos e uma das novidades é a pesquisa do tangram, jogo chinês, que usaremos em toda a nossa montagem.O grupo também tem feito oficinas em relação a isso.

Um boa surpresa foi ter o prazer de voltar a trabalhar com o Guga, um menino, ops, rapaz agora, extremamente talentoso, cantor, publicitário e ótimo ator, trabalhou comigo na primeira versão da Revolta das Bruxas em 1997, atuamos lado a lado no Você me Ama, decote entre outros...

Ele havia parado de atuar, em função de estudos e trabalho, pedi que me entregasse uma pasta que estava com ele e daí surgiu a idéia, quer voltar a atuar Guga...

Ele voltou! E olha, voltou centrado, muito a fim e com a criatividade na flor da pele.

Ainda bem que o mundo dá voltas e temos novas oportunidades de ter ao nosso lado pessoas que nos faziam falta, o Guga, é uma delas.

Lisiane Berti (agora em nova embalagem - mais aderente ao trabalho,que valha a pena - fazendo do teatro um processo sério não um evento...Use!)

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.